Metodologia 5s – O que é? Como pode te ajudar na produtividade?

Olá! Quero, mais uma vez falar de uma metodologia utilizada por empresas que podemos aprender e utilizar em nós mesmos como indivíduos.

Isso é importante, pois querendo ter uma empresa é necessário saber que a empresa precisa de muitas coisas  e a principal delas é o empreendedor. Não adianta achar uma metodologia interessante e querer aplicar em sua empresa sem antes o próprio empreendedor passar pela transformação da metodologia.

Todas as ferramentas e metodologias existentes para uma boa gestão e qualidade de uma empresa é possível (se não necessário) aplicar na própria vida (tendo empresa ou não).

Já vi casos onde o empresário tentou diversas vezes implementar melhorias na empresa, mas esquecendo de tentar aplicar em si próprio a nova filosofia. Então, imagine o resultado….

Lembre-se sempre disso, uma empresa é reflexo da pessoa ou das pessoas responsáveis por ela. O exemplo vem de cima. Se tiver uma vida medíocre, sua empresa também terá resultados medíocres.

Vamos então falar da metodologia 5s!

A metodologia 5s nasceu no Japão após a Segunda Guerra Mundial, mais especificadamente durante a reconstrução do país.

Seu objetivo inicial era o de manter a ordem na vida pessoal dos indivíduos, porém, com o passar do tempo, ela passou a ser aplicada em empresas, famílias, comunidades e assim por diante.

O princípio é originado em cinco palavras iniciadas com a letra S: Seiri, Seiton, Seiso, Seiketsu e Shitsuke.

Os 5s ganharam tradução literal em território brasileiro como “sensos”. São eles:

1. Seiri – Senso de utilização
2. Seiton – Senso de Ordenação (ou organização)
3. Seisou – Senso de Limpeza
4. Seiketsu – Senso de Saúde
5. Shitsuke – Senso de Autodisciplina

A seguir, conheça mais sobre o significado de cada senso e como eles podem fazer toda a diferença no aumento da produtividade.

metodologia-5S

Pin It

• Senso de Utilização – Seiri

O Seiri significa melhor utilizar ferramentas, materiais, dados, equipamentos e outros, tendo bom senso e equilíbrio como base (evitando desperdício, por exemplo).

Quanto à produtividade, a relação é quase que óbvia. Se soubermos utilizar os materiais, ferramentas e demais componentes ao nosso redor de modo prático e dinâmico, nossa produtividade é dobrada ou até mesmo triplicada!

Melhor controle de custos e estoque e ganho de espaço são alguns dos benefícios deste conceito quando bem aplicado.

• Senso de Organização (Ordenação) – Seiton

O senso da organização, para as empresas, pode ser interpretado em relação à importância de que cada peça da organização esteja em seu devido lugar.

A recolocação de ferramentas e produtos, por exemplo, pode otimizar a utilização dos mesmos, aumentando diretamente a produtividade no ambiente.

Se um grampeador é guardado no lugar errado, o indivíduo pode perder um tempo significado de sua rotina de trabalho apenas para encontrá-lo.

Com o senso de organização, esse tipo de problema é eliminado.

• Senso de Limpeza – Seisou

O seisou, por sua vez, é o conceito da limpeza – e se refere à importância de manter o ambiente sempre limpo, além de livre de coisas que não serão utilizadas no mesmo.

Quando em relação às pessoas, o senso visa relações criadas a base de respeito, confiança e transparência.

Resumidamente, ele auxilia no aumento da produtividade ao garantir relações muito mais agradáveis e harmoniosas no ambiente.

O conceito de limpeza reforça ainda os tópicos metodologia 5s, uma vez que o mantimento da limpeza evita a desordem e traz melhorias para a empresa como um todo (o que inclui não só os funcionários, como também a disposição do ambiente, a organização dos materiais e assim por diante).

• Senso de Saúde (Padronização) – Seiketsu

Por fim, temos o senso da saúde, também conhecido como senso da padronização.

Em empresas, ele é aplicado principalmente quando em relação ao conceito de ergonomia, de modo a tornar o ambiente de trabalho muito mais saudável, agradável e, claro, motivador.

Busca manter a saúda da empresa, dos funcionários e dos processos, o que garantirá a qualidade do produto/serviço final.

Fase onde se busca a padronização e manutenção dos processos anteriores.

• Senso de Autodisciplina – Shitsuke

Autodisciplina é, sem sombra de dúvidas, algo complicado para se manter no dia a dia.

O objetivo da metodologia 5s é motivar o indivíduo a trazê-la tanto para âmbito pessoal como empresarial, sabendo dividir tarefas, além de organizá-las e aprimorá-las sempre.

Apenas tendo a autodisciplina que tudo será mantido. Vale a reflexão de tudo que foi implantado, se tudo está de fato nos conformes.

Não esquecendo de verificar se você mesmo e seus colaboradores estão seguindo e sentindo diferenças.

É difícil implementar a metodologia 5s ?

Como tudo (bom) que quiser implementar na sua vida exige dedicação e força de vontade. É necessário que perceba a importância, as mudanças e as melhorias que irá conquistar. Tendo isso em mente, com um pouco de força de vontade irá implementar.

Algumas teorias colocam que a ordem de implementação da metodologia 5s é exatamente essa que numerei, mas como sempre digo, acho interessante entender a metodologia e tentar adaptar, se for o caso, (até por que aqui não estamos falando da implementação da metodologia para conseguir uma ISO).

Acho justo que procurando uma evolução pessoal e empresarial veja qual a melhor forma para você iniciar, sem para no meio do caminho com algo que a metodologia te force a fazer e você sinta que não tem condições.

Talvez, eu mudaria a ordem para primeiro autodisciplina e organização.

Enfim, entenda, experimente, repasse a filosofia para seus colaboradores ou colegas de trabalho. Para aprender coisas novas sempre haverá espaço.

Abraços e até o próximo

Cadastre seu e-email e receba nossos artigos. Milhares de pessoas já estão recebendo, não fique de fora!!

Mario Cesar Massaro Rivera

Sócio na Amber Sistemas e fundador do blog startando-se onde fala sobre empreendedorismo, produtividade e liderança, com o objetivo de ajudar e inspirar pessoas.

Website: